Mala de viagem da criança: você vai arrumar e ainda vai sobrar espaço!

Seguir algumas dicas no momento de fazer a mala ajuda a ganhar mais espaço, traz facilidade na hora de encontrar as roupas de viagem e ainda dá aquela ajudinha para que os pertences não fiquem amassados. Na realidade, só quem já precisou montar a bagagem (muitas vezes da família toda) é que sabe o quanto esta tarefa pode ser complicada. Mas não se preocupe! Trouxemos dicas fáceis de aplicar e você conseguirá organizar as mochilas! As dicas que trazemos podem ser utilizadas praticamente na bagagem de todos da casa, mas em especial na bagagem dos pequenos. Então, atenção ao que vamos falar, pois hoje ensinaremos a arrumar a mala de viagem da criança!

Só quem tem criança em casa é que sabe a correria que é, certo? Compromissos, novidades e dificuldades são itens que fazem parte do cotidiano dos pais, mas verdade seja dita: uma casa com crianças é constantemente invadida por uma onda de felicidade, aprendizado e amor. Não tem coisa melhor! Mas tudo que tem a ver com criança acaba nos trazendo dúvidas. Entretanto, isso é normal.

Mesmo os pais experientes podem se deparar com situações onde uma tarefa comum, fica difícil de ser concretizada. Pois então, uma destas tarefas é preparar a mala de viagem da criança.

mala de viagem da criança
Mala de viagem da criança: para cada destino, leve peças adequadas

Pode parecer algo simples de realizar, mas acredite ou não, pode ser que na primeira tentativa, você não consiga acomodar os itens do pequenino.

Afinal, pense bem: crianças precisam de vários artigos essenciais, pois suas necessidades são mais delicadas do que as dos adultos. Enquanto nós conseguimos nos virar e viajar com a falta de alguns objetos, para as crianças não funciona assim. Aliás, bolsa de criança tem que ter de tudo: roupas, agasalhos, fraldas, artigos de higiene, mantas, remédios, brinquedos, sapatos, mamadeira, chupetas, mordedores, alimentos…. são vários detalhes para se preocupar, não é mesmo?

Contudo, pensando nisso, vamos te dar uma super força e você saberá como proceder com a bagagem do seu pequenino, levar os itens importantes e ainda fazer sobrar espaço para carregar os brinquedos preferidos do seu filho!

Época de férias e dias de verão…a combinação perfeita para marcar um passeio prolongado. Embora a praia seja o destino preferido de muitas famílias – com razão! Conte com sol, mar, areia, picolés de fruta, brinquedos infláveis e coloridos e muitas atividades ao ar livre– é importante levar as roupas de calor e também as de frio. Quando se trata de criança, cuidado nunca é demais.

Neste momento você pode pensar “então fica difícil, se para aproveitar o verão também terei que levar roupas de frio!”. Por isso é fundamental ter em mente o planejamento e a estratégia.

Isso mesmo! Para fazer a mala de viagem da criança é preciso planejar exatamente o período, rotas, paradas e atividades que pretende fazer ao chegar no destino. Também é necessário ter estratégia para combinar poucas peças e criar várias composições para o seu filho.

mala de viagem da criança
Pesquise com antecedência sobre as atividades que podem ser praticadas em seu destino!

Primeiramente, pesquise muito sobre o local que a família visitará

É fato: família preparada, não passa dificuldade – ou pelo menos, evita várias situações desconfortáveis-, então a chave do sucesso é a pesquisa.

Busque o máximo de informações sobre o local, veja se há muitos insetos na região, saiba quais são os tours e passeios disponíveis e indispensáveis em seu destino e se é uma região mais fria/úmida/com incidência de chuvas.

O clima do verão você já sabe como é: sol extremamente forte nos horários de pico e ocorrência de chuva em vários dias da semana, por conta do calor. O bom é que geralmente, são chuvas passageiras. Mas para você que irá montar a mala do pequenino, informações simples como essas já te encaminham para arrumar uma boa bagagem.

Então, atenção: leve boné ou chapéu, protetor solar infantil, repelente e roupinhas leves e fáceis de lavar/secar. Aliás, veja aqui uma matéria muito boa que a Revista Crescer publicou sobre este assunto.

Saiba o que deve realmente deve ser levado na mala de viagem da criança

Para não exagerar e nem deixar faltar roupas, calcule assim: duas trocas de roupa ao dia e independente da faixa etária do pequenino.

Busque colocar os tipos de roupas em saquinhos de TNT ou sacos organizadores (tipo Ziploc). Faça a separação desta maneira:

  • Um saco para calças,
  • Um saco para shorts e/ou saias,
  • Um saco para camisetas de manga curta,
  • Um saco para cuecas ou calcinhas e meias,
  • Um saco para roupas de praia (se for o destino),
  • Um saco para as roupas mais pesadas de frio (leve meias, calças e blusas mais quentinhas, pois o clima pode mudar!),
  • Um saquinho para bonés, faixas, toucas e acessórios em geral.

Se for levar mais categorias de peças, use mais saquinhos. Assim, além de facilitar no momento da procura das peças, os sacos ainda servem pra trazer as roupas sujas ao final da viagem.

Aliás, se você quiser compactar e separar mais ainda as peças, use sacos de fechamento a  vácuo, pois eles “espremem” as roupas e abrem muito espaço na bagagem.

É importante saber que para cada idade, vai uma mala diferente. Portanto, atenção!

Dica: considere a idade da criança e as necessidades dela (de usar fraldas, chupeta e mamadeira), o local de destino, as duas trocas diárias de roupa e quantos dias de viagem para calcular quantas peças devem ser levadas.
mala de viagem da criança
Não deixe de levar os brinquedos preferidos do seu pequeno!
A listinha (observe os itens que o seu filho usa e pode colocar na mala!)
  • Macacão manga comprida;
  • Calças;
  • Camisetas manga curta;
  • Camisetas manga longa;
  • Bermudas;
  • Bodies;
  • Casacos;
  • Vestidos;
  • Moletom;
  • Pijama manga curta e comprida;
  • Meias, cuecas ou calcinhas (duas por dia – se não utilizar fraldas;)
  • Maiô ou sunga (se no destino houver mar, piscina ou cachoeiras);
  • Saída de banho ou roupão;
  • chinelo;
  • Tênis;
  • Sandália ou bota;
  • Protetor solar e repelente (sempre peça recomendação ao pediatra);
  • Shampoo/ condicionador;
  • Hidratante;
  • Lencinho umedecido;
  • Escova de cabelo;
  • Prendedores de cabelo;
  • Pasta e escova de dente;
  • Sabonete;
  • Cortador de unhas;
  • Boné/chapéu;
  • Brinquedos e livrinhos;
  • Lápis e papel;
  • Boias, piscina inflável;
  • Toalhas;
  • Roupa de cama;
  • Cobertor;
  • Fraldas descartáveis (3 a 4 fraldas por dia) e fraldas para piscina;
  • Leite em pó;
  • Mamadeira;
  • Chupetas;
  • Copinhos;
  • Jogos e brinquedos educativos;
  • Brinquedos para areia (se o destino for uma praia).

Também é extremamente importante levar água, lanches, um kit de primeiros socorros e documentos da criança. Aliás, estes itens devem ser levados em sua bolsa e não na mala.

“Menos é mais” e o “efeito cebola”

Embora você tenha visto essa lista enorme, não é preciso levar todas as categorias de roupa! Priorize as peças de acordo com o destino e quantidade de dias de viagem, mas sempre considerando levar algumas peças e frio e também  duas trocas ao dia. Alguns lugares sofrem com aquele sistema “frio-calor-frio” ainda que estejamos no verão.

Portanto, com esta possibilidade em mente, utilize o vestuário do “efeito cebola”, no caso, camadas. Se ao sair de manhã você perceber que está frio, vista seu pequeno em camadas, pois é bem certo que durante o dia pode esquentar muito e durante a tarde a temperatura volte a cair.  Assim, você vai “descascando” o vestuário da criança de acordo com a necessidade.

E lembre-se: se a viagem é curtinha, mas você quer variedade de peças na mala de viagem da criança, leve apenas um tipo de cada peça, pois dá para fazer diversas combinações com elas.

Como guardar os pertences na mala

Se apertar um pouquinho aqui e um pouquinho ali, cabe tudo e sobra espaço! Mas tem um jeitinho certo de fazer isso. Olha só que legal:

mala de viagem para criança
Fonte: Viajando Expedia

Aplique essas ideias na mala de viagem da criança e tudo vai dar certo.

A hora da decisão: o seu pequeno terá que escolher….

Se mesmo após utilizar a lista e os métodos de armazenamento das roupas não der espaço para levar muitos brinquedos para o pequeno, então é uma ótima oportunidade para conversar com a criança e auxiliar na escolha dos brinquedos que podem ser levados.

Explique sobre o destino da viagem e sobre o tempo que ele terá disponível para se dedicar aos brinquedos. Assim, a criança decide quais são os ideais e aproveita o melhor do verão!

Apenas oriente o pequenino e ensine a criança que é possível se divertir ao escolher de maneira sábia. Seu filho vai te agradecer, acredite!

E então, gostou das dicas? Já viajou com crianças ou marcou uma viagem para este mês? Conta pra gente, hein!

Veja também: DICAS DE VERÃO – AS MELHORES ATIVIDADES PARA CRIANÇAS!

 

 

 

Deixe uma mensagem

Seu endereço de e-mail não será publicado